Ó GENTE DE MINHA TERRA.

                                          Crianças no Haiti


Quando oiço Mariza sinto,acredito eu,o que NIETSCHE sentia ao ouvir a música de RICHARD WAGNER.É o inaudito,vejo-me ou melhor sinto o fluir da própria vida,impressionante como a música consegue nos causar um estado que vai da comoção ao arrebatamento.Mariza é isso e muito mais.Ela consegue transformar,através do canto,uma experiência de ouvir música em um estado áureo,sublime,uma profusão de sentimentos que nos leva a uma comunicação com o que não nos apercebemos conscientemente.

Ó Gente da Minha Terra
Mariza
Composição: Amália Rodrigues
É meu e vosso este fado
Destino que nos amarra
Por mais que seja negado
Às cordas de uma guitarra
Sempre que se ouve o gemido
De uma guitarra a cantar
Fica-se logo perdido
Com vontade de chorar
Ó gente da minha terra
Agora é que eu percebi
Esta tristeza que trago
Foi de vós que recebi
E pareceria ternura
Se eu me deixasse embalar
Era maior a amargura
Menos triste o meu cantar
Ó gente da minha terra
Agora é que eu percebi
Esta tristeza que trago
Foi de vós que recebi


(SOLO)
Ó gente da minha terra
Agora é que eu percebi
Esta tristeza que trago
Foi de vós que recebi

0 comentários:

Postar um comentário

Seguidores

Sobre este blog